sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011


EU NATUREZA

Pés no chão, mãos na terra,
sou natureza,
identifico-me com o cosmo,
passado e futuro em mim,
no presente.
Sinto raízes em meus pés,
seiva corre em minhas veias,
sou parte do mundo,
sou todo, sou eu...
As dores sentidas, sinto-as na pele
rugosa em caule, macia em pétalas.
O vento e a chuva me fustigam
e eu sou ar e água,
sou tormenta e calmaria.
Eu e o mundo,
identificados, unidos, resumidos,
ser, universo,
sem fim.