quinta-feira, 23 de agosto de 2012

SEM PALAVRAS

Quantas vezes nos quedamos sem palavras diante da dor do outro.... Quantas vezes queremos a palavra certa, a frase oportuna e permanecemos  silenciosos, sem nada dizer... Compartilhamos o sentir, esperando que o outro perceba nossos sentimentos.
As linhas abaixo retratam um momento, vivido há alguns anos, em que nada pude dizer, apenas sentir...


A UM AMIGO

Sinto no peito
doer a dor do amigo,
que apaga o sorriso
sempre companheiro.

Como lhe dizer, amigo,
que me sinto triste por vê-lo sofrer?

Saiba, companheiro,
já ouvi dizer alguém
que na vida tudo passa
e as dores passam também...

E nestes mal traçados versos
sem rima, descompassados,
eu peço a Deus que o faça
mais feliz,
para que assim eu possa
ser mais feliz também.


Para embalar os sentidos, ninguém melhor do que Piazzola, interpretado por Yo Yo Ma. 




Youtube