quinta-feira, 8 de outubro de 2015

TRILHAS

E então a volta:
trilhar os mesmos caminhos,
rever os mesmos rostos,
ouvir as mesmas vozes.
O que mudou? 
Se são os mesmos sinais que se apresentam,
em sua materialidade insípida e curiosa...
Se são as mesmas indagações que levam a um mesmo ponto,
já revisto, já deglutido, já digerido...
O que mudou?
Se as tardes caem em azul e rosa como outrora,
se as manhãs se tingem de asas e sonoridades
invadindo espaços, ressoando cores...
O que mudou no espaço já percorrido,
se tudo se apresenta com os mesmos aromas,
com os mesmos sons, 
com a mesma monotonia insípida?
Mudaram meus passos?
Mudaram meus olhos?
Minha alma inquieta pergunta 
e a  resposta se esconde no fundo da alma:
infeliz ou felizmente, quem mudou fui eu...


"Penso que cumprir a vida
Seja simplesmente
Compreender a marcha
E ir tocando em frente"
(Almir Sater e Renato Teixeira)

Tocando em frente
Almir Sater e Renato Teixeira
Youtube